[ editar artigo]

É fetiche ou crime? Por que casal flagrado em sexo em público pode ir preso

É fetiche ou crime? Por que casal flagrado em sexo em público pode ir preso

FONTE: UOL

É fetiche ou crime? Por que casal flagrado em sexo em público pode ir preso

Rafaela Polo

De Universa, São Paulo

24/04/2022

Casal é visto fazendo sexo em público em Santos (SP) e pode ser preso  - Getty Images/iStockphotoCasal é visto fazendo sexo em público em Santos (SP) e pode ser preso
Imagem: Getty Images/iStockphoto

Não foram só as fantasias de Carnaval e os carros alegóricos que deram o que falar neste final de semana. Uma polêmica, que começou nas redes sociais, virou caso de polícia. Na quinta-feira (21) um casal foi flagrado fazendo sexo, em plena luz do dia, em uma praça pública, em Santos (SP). Motoristas que passavam pelo local na hora fizeram um vídeo do momento. Mas, agora, os dois podem ser presos.

Fazer sexo em público é algo comum no universo dos fetiches. E é crime. A advogada criminalista Amanda Bessoni, afirma que a prática pode gerar de três meses a um ano de detenção.

Mas, apesar de chocar quem vê, é considerado um crime é um ato de menor potencial ofensivo e dificilmente acabará com os praticantes atrás das grades. "O mais comum é que seja aplicada uma multa, sem que haja a privação de liberdade", completa Amanda.

Sexo em público é considerado parafilia

No universo dos fetiches, existem os mais diversos tipos de desejos sexuais. Mas se sua vontade de fazer sexo se encaixa dentro de uma punição do Código Penal, é necessário repensar suas atitudes para evitar problemas com a Justiça.

"Podemos dizer que fazer sexo em público é um fetiche comum, uma parafilia, que é um desejo intenso e recorrente de fazer um ato entendido como não convencional", explica a psicóloga Michelle Sampaio, especialista em sexualidade humana pela Faculdade de Medicina da USP.

Se as vontades forem praticadas sem causar sofrimento ou ultrapassar os limites do outro, não há nada de errado. "Com a autorização da outra pessoa e de forma consensual, não há necessidade de tratamento. Mas se começar a gerar sofrimento ao próximo, ou criar um problema sério para você, entendemos que está caminhando para um transtorno parafílico. E,nesse caso, tem tratamento, sim", completa a especialista.

Se você se excita fazendo sexo em locais onde outros podem flagrar o ato, há maneiras mais seguras, e dentro da lei, de colocar em prática essa vontade. "Tem inclusive um nome, chama 'dogging', que é quando os casais têm tesão em fazer sexo em locais públicos. Se essa é a vontade, é possível, por exemplo, usar de alguns truques: trandar dentro de casa com a janela e cortinas abertas, pois trará essa sensação de que estão sendo observado, procurar uma casa de swing, onde há espaços para isso, e festas fetichistas", orienta Michelle.

https://www.uol.com.br/universa/noticias/redacao/2022/04/24/fetiche-e-crime-casal-flagrado-fazendo-sexo-ao-ar-livre-pode-ser-preso.htm

Ler conteúdo completo
Indicados para você